Óptica Ocular

Óptica Ocular
óptica ocular

PADARIA DOIS IRMÃOS

PADARIA DOIS IRMÃOS

CURTA A NOSSA FAN PAGE

ADVOCACIA

ADVOCACIA

Pé de alface com folhas de maconha é interceptado na penitenciária de Presidente Bernardes



Além desta apreensão, diversas unidades prisionais registraram ocorrências com visitantes neste final de semana

Neste final de semana (01 e 02), estabelecimentos prisionais subordinados a Coordenadoria de Unidades Prisionais da Região Oeste do Estado (Croeste) registraram tentativas frustradas de inserção de objetos ilícitos nos presídios e que foram barrados durante os procedimentos de revista. Vale lembrar que os visitantes flagrados são excluídos do rol de visitas e levados à Delegacia de Polícia Civil mais próxima, sem prejuízo de responderem na esfera criminal. Também é instaurado Procedimento Disciplinar para apurar a cumplicidade dos presos que receberiam os materiais podendo, ainda, ser instaurados Procedimentos de Apuração Preliminar para apurar supostas responsabilidades funcionais.

SEXTA-FEIRA (31/08)
PENITENCIÁRIA COMPACTA DE TUPI PAULISTA
Na última sexta-feira (31 de agosto), a mãe de um sentenciado encaminhou Sedex endereçado ao filho que se encontra preso na Penitenciária de Tupi Paulista. Ao revistarem o embrulho, como de praxe, servidores encontraram uma embalagem de achocolatado em pó com um odor semelhante à maconha. Ao vistoriarem o produto, questionaram o sentenciado e este afirmou que havia mesmo entorpecente na mistura. O material foi apreendido e encaminhado à delegacia de polícia local, enquanto o sentenciado responderá a Procedimento Apuratório Disciplinar.


SÁBADO (01/09)
PENITENCIÁRIA “JOÃO BATISTA DE SANTANA” DE RIOLÂNDIA
Durante os procedimentos rotineiros de revista com o aparelho de scanner corporal, foi avistado um invólucro na região do quadril da companheira de um sentenciado, sendo constatado que se tratavam de 02 (duas) placas de celular, 08 (oito) chips e 01 (um) pedaço de fio de estanho.  A mulher foi suspensa do rol de visitas e encaminhada à delegacia de polícia, enquanto o sentenciado responderá a Procedimento Disciplinar Apuratório.

PENITENCIÁRIA I “NESTOR CANOA” DE MIRANDÓPOLIS
Dentro de um bolo, que seria entregue a um sentenciado por sua esposa, Agentes de Segurança Penitenciária encontraram 01 (um) maço de cartas de baralho durante os procedimentos de revista nos pertences da mulher. No mesmo dia, encontraram em outra sacola de visitante 02 (dois) sacos plásticos contendo pimenta, ocultos no meio da comida. As duas mulheres foram suspensas do rol de visitas por 30 dias.

PENITENCIÁRIA II “LUIZ APARECIDO FERNANDES” DE LAVÍNIA
Cadastradas como companheiras no rol de visitas de sentenciados, duas mulher se submeteram ao procedimento de revista por imagem, através do aparelho Body Scanner, o qual sinalizou positivamente para presença de material suspeito em seus corpos. Indagadas, retiraram voluntariamente de seus órgãos genitais, cada qual, um invólucro contendo 01(um) micro aparelho de telefonia móvel celular. Os sentenciados foram isolados preventivamente e responderão a Procedimentos Disciplinares para melhor apuração dos fatos. As visitantes e os materiais apreendidos foram levados à autoridade policial, para providências da Polícia Judiciária, e suspensas do rol de visitas.

PENITENCIARIA “SILVIO YOSHIHIKO HINOHARA” DE PRESIDENTE BERNARDES
Neste final de semana, três visitantes do sexo feminino foram surpreendidas tentando entrar com substâncias ilícitas na penitenciária. Em todos os casos, as mulheres tentaram ocultar erva esverdeada, com características de maconha em meio a alimentos. Em um dos casos, o entorpecente estava escondido entre as folhas de um pé de alface. Por este motivo, as referidas visitantes foram conduzidas à Delegacia de Polícia local, onde foram lavrados os respectivos Boletins de Ocorrência. Também foram instaurados Procedimentos Disciplinares para apurar a cumplicidade dos sentenciados que receberiam os ilícitos.

PENITENCIÁRIA “TACYAN MENEZES DE LUCENA” DE MARTINÓPOLIS
A companheira de um sentenciado foi encaminhada por agentes penitenciários à Santa Casa de Martinópolis, a fim de passar por exame Raio-X. Isso porque, ao passar pelo detector de metais na entrada no presídio, o aparelho sinalizou que havia algo suspeito na genitália da visita, o que no hospital foi confirmado, sendo a substância semelhante à pasta base de cocaína. A visitante foi suspensa do rol de visitas e encaminhada à delegacia, enquanto contra o sentenciado foi instaurado Procedimento de Infração Disciplinar. No dia seguinte, outra mulher tentou entrar na unidade com 01 (um) celular oculto nos mesmos moldes, sendo também suspensa do rol de visitas e levada à delegacia.

PENITENCIÁRIA “CRISTIANO DE OLIVEIRA” DE FLÓRIDA PAULISTA
Durante o procedimento de revista no setor de portaria, os Agentes de Segurança Penitenciária notaram certo nervosismo por parte de duas visitantes, sendo uma esposa e a outra irmã de sentenciados. Ao serem submetidas à revista pelo scanner corporal (Body Scanner), as imagens do aparelho revelaram 01 (um) micro celular no órgão genital de cada uma. A Polícia Civil foi acionada e conduziu ambas à Delegacia de Polícia local, para elaboração de boletim de ocorrência e demais providências pertinentes. Elas também foram suspensas administrativamente do rol de visitas, conforme legislação vigente, sem prejuízo de responderem na esfera criminal. Os sentenciados que receberiam os objetos responderão a Procedimento Disciplinar para apuração de cumplicidade.

DOMINGO (02/09)
PENITENCIÁRIA DE JUNQUEIRÓPOLIS
Neste domingo, duas visitantes foram flagradas tentando entrar na unidade com objetos ilícitos misturados a alimentos (jumbo). Durante o procedimento de revista nos produtos alimentícios, os agentes descobriram um total de 41 (quarenta e um) comprimidos de cor azul, aparentando tratar-se medicamento para disfunção erétil e, ainda, 20 (vinte) cápsulas com substância de coloração branca, acondicionadas entre gomos de linguiça.  Diante dos fatos, as visitantes foram encaminhadas ao Plantão  Policial para averiguação e providências de praxe, além de serem suspensas do rol de visitas, e os sentenciados envolvidos removidos ao Pavilhão Disciplinar.

PENITENCIÁRIA “OZIAS LÚCIO DOS SANTOS” DE PACAEMBU
Com 05 (cinco) cigarros, preenchidos com erva esverdeada semelhante à maconha, e 02 (duas) placas de telefone celular, duas mulheres tentaram burlar a segurança do presídio neste domingo. A primeira escondeu os cigarros dentro de maços comuns, enquanto a outra escondia os aparelhos de telefonia móvel no órgão genital. A Polícia Militar foi acionada e as visitantes conduzidas até a Delegacia de Polícia local para as providências de praxe e suspensas do rol de visitas.  Igualmente, foi instaurado Procedimento Disciplinar a fim de apurar eventual cumplicidade por parte dos sentenciados que seriam visitados, os quais se encontram isolados preventivamente em Pavilhão Disciplinar.

CENTRO DE RESSOCIALIZAÇÃO DE BIRIGUI
Por volta das 10h, ao revistar os pertences da Senhora A. J. da C, companheira de um sentenciado da unidade, um Agente de Segurança Penitenciária encontrou 01 (um) celular entre as roupas  da criança que acompanhava a mulher  e que seria filho da mesma. A polícia Militar foi acionada para conduzir a visita e o aparelho ao Plantão Policial, para lavratura do Boletim de Ocorrência  e demais providências.
O sentenciado foi encaminhado para a cela disciplinar e responderá a Procedimento Apuratório Disciplinar.






Compartilhar Google Plus

Autor Guararapes Sorriso News

    Blogger Comentario
    Facebook Comentario

0 comentários:

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial