TARDE DAS CRIANÇAS EM GUARARAPES

TARDE DAS CRIANÇAS EM GUARARAPES
VENHA SE DIVERTIR NA IGREJA

Óptica Ocular

Óptica Ocular
óptica ocular

DELY PADARIA E RESTAURANTE

DELY PADARIA E RESTAURANTE
ESTABELECIMENTO ACLIMATIZADO

CURTA A NOSSA FAN PAGE

ADVOCACIA

ADVOCACIA

Campanha “Julho Amarelo” em Guararapes alerta para hepatites virais




O Departamento Municipal de Saúde, por meio da Vigilância Epidemiológica, irá realizar no período de 16 a 31 de julho a Campanha “Julho Amarelo”, com o objetivo de alertar a população sobre a importância da prevenção das hepatites virais.

Segundo dados da Vigilância Epidemiológica de Guararapes, entre os anos de 2015 a 2017 foram registrados no município 11 casos de hepatite C e 02 casos de hepatite B. Este ano, 2018, ainda não há nenhum registro.

Durante toda a semana, nas Unidades Básicas de Saúde: Dr. Akira Motomatsu, Dr. Norman Storto (Postão) e Severino Poleto, além das ações educativas de orientação, as pessoas que estiverem com a vacina de hepatite B em atraso vão poder receber a dose (indicada para todas as idades). Importante levar a carteira de vacinação.

Também será realizado o exame de sangue para detecção das hepatites B e C, que já ocorre o ano todo. O horário de atendimento é de segunda a sexta, das 7h às 17h.

DIA “D”: No sábado, 28 de julho, todas as UBSs vão estar abertas das 8h às 15h e serão ofertados testes rápidos para as hepatites B e C.

Um plano pactuado entre o Ministério da Saúde, estados e municípios, pretende eliminar a hepatite C no Brasil até 2030. A ideia é simplificar o diagnóstico, ampliar a testagem e fortalecer o atendimento às hepatites virais.

A hepatite é uma inflamação do fígado, causada por vírus e quase sempre sem sintomas. No Brasil, as hepatites virais mais comuns são as causadas pelos vírus A, B e C. Existem, ainda, os vírus D e E, esse último mais frequente na África e na Ásia. Milhões de pessoas no Brasil são portadoras dos vírus B ou C e não sabem. Elas correm o risco de as doenças evoluírem (tornarem-se crônicas) e causarem danos mais graves ao fígado como cirrose e câncer. Por isso, é importante ir ao médico regularmente e fazer os exames de rotina que detectam a hepatite.

A hepatite A é transmitida por meio de água e alimentos contaminados por fezes ou pelo contato da mão suja de fezes com a boca.

As hepatites B e C podem ser transmitidas por sangue contaminado presentes em objetos (agulhas, alicates de unha, aparelho de barbear), pelo uso de material não esterilizado na colocação de piercing, tatuagem, em procedimentos cirúrgicos e pelo sexo desprotegido. A hepatite B é uma infecção sexualmente transmissível muito fácil de pegar.

Também podem ser transmitidas da mãe portadora do vírus para o filho, principalmente no momento do parto.

Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Guararapes

Compartilhar Google Plus

Autor Guararapes Sorriso News

    Blogger Comentario
    Facebook Comentario

0 comentários:

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial