L.C.S.

L.C.S.
DO AMIGO LUIZÃO VIGILANTE

ÓTICA VIZA

ÓTICA VIZA

ADVOCACIA

ADVOCACIA

Menino de 02 anos espera biópsia na Santa Casa para tratar câncer agressivo perto do rim e que já chegou à cabeça

Arquivo/Política e Mais


Alessandra Nogueira/Política e Mais

A família do pequeno Vitor Emanuel Alves Gomes, de apenas dois anos e oito meses, virou de cabeça pra baixo nos últimos dias. Diagnosticado com câncer, o garotinho luta pela vida e contra o tempo, enquanto aguarda a realização de uma biópsia para iniciar o tratamento contra a doença.

O drama teve início nos primeiros dias deste mês, quando o menino teve febre e uma infecção de garganta. Foi levado à Santa Casa de Andradina, internado, recebeu antibióticos e foi liberado. Dias depois, passou por um médico particular, ainda em Andradina, e foi detectada uma pneumonia. Foi internado na Santa Casa novamente, onde permaneceu cinco dias.

Em casa, o menino passou a apresentar dificuldades de locomoção e fortes dores nos membros inferiores. O médico suspeitou de anemia falciforme, o garoto foi novamente internado, mas não respondeu ao tratamento. Com a piora do quadro, ele foi levado a uma oncologista pediátrica, em Araçatuba, que descartou a anemia após exames e pediu para internar o garoto na Santa Casa local.

Na Santa Casa de Araçatuba, onde está há nove dias, recebeu o diagnóstico mais temido, no sábado (24): um tumor neoblastoma de sete centímetros, localizado perto do rim. O tumor já alcançou a cabeça e o menino sente muita dor, mesmo tomando fortes medicamentos.

“Esse tumor tem menos de dois meses e cresce muito rápido, por isso algo precisa ser feito com urgência”, afirma o pai, Sérgio Alves Gomes, que é podador de árvores e está se revezando com a esposa, Vanessa, do lar, nos cuidados com o menino no hospital.

Nesta segunda-feira (26), estava agendada uma biópsia, mas foi cancelada. A preocupação dos pais é a gravidade do caso, já que o câncer é agressivo e avança a cada dia. “Meu sobrinho está sofrendo muito. Ele sente tanta dor que implora para que não mexam nos bracinhos e nas perninhas dele na hora da troca de roupa”, conta a tia Silvia Alves Gomes da Silva.

O pequeno guerreiro está internado na UTI Neonatal, passou por vários exames, entre eles, uma tomografia computadorizada, que detectou nódulos no abdome. Diante desse resultado, ele passou a ser avaliado também por oncologista pediátrica e cirurgião pediátrico.

Conforme o hospital, foi indicada a realização de uma biópsia, exame que possibilitará que os especialistas fechem um diagnóstico sobre o paciente. O exame é realizado por meio de procedimento cirúrgico para coleta do material e seria realizado nesta segunda-feira. No entanto, por tratar-se de um procedimento invasivo, e como forma de preservar a segurança do paciente, os especialistas decidiram suspender a biópsia que estava agendada, substituindo a cirurgia por biópsia guiada por meio de aparelho ultrassom e tomógrafo.

Este procedimento está marcado para esta quarta-feira (28). Em nota, a Santa Casa informou que o paciente está recebendo a assistência necessária para estabilização do quadro clínico e alivio das dores. “Encontra-se em ambiente de UTI Neonatal com assistência 24 horas por pediatras intensivistas e recebendo medicações indicadas para o quadro clínico, dentre as quais, antibióticos”, afirmou o hospital.

Compartilhar Google Plus

Autor Guararapes Sorriso News

    Blogger Comentario
    Facebook Comentario

0 comentários:

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial